A influência do clima na safra de soja



22.07.2019

O fenômeno El Niño, que influenciou o desenvolvimento da safra de soja 2018/2019, deverá perder força até o fim do inverno, no dia 21 de setembro. De acordo com dados da Somar Meteorologia, a safra 2019/2020 deve ser semeada sob neutralidade climática, ainda com viés de anomalia positiva de temperatura. Isso significa que não deverá ter grandes atrasos na estação chuvosa para as principais áreas produtoras de grãos do Centro-Oeste e Sudeste do país.

No Sul, para a safra 2019/2020, a expectativa é de que os agricultores não lidem com muitos transtornos, apenas o fato de que o frio pode se estender um pouco mais e favorecer um desenvolvimento inicial lento dos grãos.

Com o fim do El Niño durante o inverno 2019, a neutralidade climática com viés positivo representa um cenário de chuvas dentro ou até ligeiramente abaixo da média normal para as áreas. A chuva pode atrasar novamente, ou seja, demorar a engrenar nas principais áreas produtoras, mas deverá se tornar mais frequente no alto verão possibilitando o desenvolvimento da safra.

Fonte: Canal Rural Uol

FacebookTwitter


Ver todas
Voltar